Depois do casamento, descobri que meu marido é impotente. E agora?

Meu marido é do estilo romântico e “das antigas”, antes do casamento, durante o namoro de 6 meses, dizia que queria fazer sexo somente depois do nosso casamento. Ele dizia que era virgem e gostaria de perder a virgindade juntamente comigo, que também sou virgem. Acreditei nele e depois do casamento, após várias tentativas que não deram certo, ele confessou, que sofre de impotência, que inclusive já havia tentado de tudo para se curar, mas que não conseguiu, mas que me ama demais e quer tentar. Estou me sentindo um “idiota enganada”. Sem sexo não temos como continuar um casamento. O que faço? Estou desesperada! Me ajude, por favor.

Prezada internauta.

Como você não sabia que seu marido tinha um defeito irremediável, a nossa Lei permite a anulação do seu casamento.

A impotência crônica poder ser considerada um defeito físico irremediável, uma vez que impossibilita  a existência de relações sexuais entre marido e mulher.

Mas para você anular esse casamento, será preciso provar que o problema NÃO tem solução e que já existia antes do casamento e você não sabia.

É importante deixar claro, que temos situações parecidas com a mulher, que podem anular um casamento por parte do homem, desde que existam antes do casamento e desconhecido pelo marido, também!

Voltando ao seu caso, a hipótese de anulação do casamento devido a erro essencial, está prevista na lei, e, o juiz não poderá decidir sobre outras situações que envolvam o caso, mas sim e tão somente a discussão sobre a impotência do seu marido.

Sendo assim, estando presentes os requisitos, quais sejam: ser o defeito anterior ao casamento; ser esse irremediável; e que tal defeito seja desconhecido por você, o casamento será anulado, mediante pedido na Justiça, através de um advogado para que sua situação volte a ser de solteira, tão somente, não sendo discutido qualquer direito a pensão e divisão de bens, até então, podendo em algumas hipóteses, requerer uma indenização por danos morais.

Importante esclarecer que a impotência sexual que permite a anulação do casamento é aquela que impede o sexo no casamento, e não a infertilidade, que é a impossibilidade de ter filhos.

O assunto “impotência sexual” aqui discutido e informado é comum entre os casais e após analisado como um defeito físico irremediável, a partir daí é um dos exemplos mais corriqueiros para o término de um casamento.

#direitodefamilia  #impotenciacasamento  #semjuridiquescomjoaofreitas   #procuresempreumadvogado

 

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Notícias Relacionadas