Tentativa de assalto termina com vítima espancada: “senti que era homofobia”

Na noite de domingo (28), por volta das 18h30, uma jovem de 19 anos foi fortemente agredida em uma tentativa de assalto, por dois homens, no bairro Tude Bastos, em Praia Grande. Ela caminhava pela rua quando foi abordada.

A vítima, identificada como Yanca Rodrigues, foi parada por um veículo Palio. De acordo com ela, um dos homens perguntou as horas e logo anunciaram o assalto.

Yanca, entretanto, se mostrou resistente e se recusou a entregar o celular. Os criminosos, furiosos, desceram do carro e começaram agredi-la com chutes e socos na perna e na costela. Depois, a colocaram dentro do carro e deram diversos socos em várias partes do corpo.

Yanca foi abandonada em seguida, com todos os pertences intactos.”Senti que era homofobia pelo fato que ele disse que, se eu quisesse ser igual um menino, eu ia apanhar igual um menino”, relatou.

O caso foi registrado no 1° DP e está sendo investigado.

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Notícias Relacionadas